top of page

São José empata na estreia da Série C

Não foi da maneira que a torcida esperava. O Zeca estreou jogando em casa contra o Floresta/CE e ficou no empate em 0 a 0, frustrando os torcedores que compareceram ao Passo, na noite chuvosa desta terça-feira (02).

O time iniciou a partida com uma escalação muito cautelosa, com três zagueiros e dois volantes, e teve enormes dificuldades de criar oportunidades de gol. Praticamente foram trocas de bola, sem penetração, e jogadas de ligação direta da defesa para o ataque. Nada aconteceu de produtivo para o São José. É bem verdade que o adversário também não levou perigo, jogou defensivamente. Alguns lances de bola parada movimentaram a partida na primeira etapa, mas com pouca dificuldade para os goleiros. Fábio Rampi fez uma boa defesa, em cobrança de falta de Marllon, aos 29 minutos da etapa inicial.

O 2º tempo começou mais movimentado. O treinador Thiago Gomes fez três alterações no intervalo: colocou Carrillo, Thaylon e Zé Andrade nos lugares de Nonato, Rondinelly e Kayan. A estrutura da equipe não teve grande alteração, mas o ímpeto melhorou e as chances começaram a aparecer. Zé Andrade aos 5 e Sillas aos 11 minutos tiveram boas oportunidades. Aos 26 minutos o treinador mudou a estrutura tática da equipe, retirando Lucas Cunha e colocando Thiago Tinoco, tornando a equipe mais ofensiva. Tinoco ingressou e logo aos 28 minutos obrigou o goleiro do Floresta a fazer uma grande defesa. Aos 39 minutos Matheuzinho ingressou no lugar de Thalys. O time se jogou ao ataque, mas não alterou o placar. Final de jogo: São José 0X0 Floresta/CE.

O Zeca iniciou a partida com Fábio Rampi; Thalys, Lucas Barboza, Jadson, Lucas Cunha e Lucas Sampaio; Nonato, Karl e Rondinelly; Sillas e Kayan. Ingressaram no jogo: Carrillo, Thayllon, Zé Andrade, Thiago Tinoco e Matheuzinho.

A próxima partida será no sábado (06) às 19h, contra o Náutico, em Recife. O time pernambucano estreou fora de casa contra o Manaus, e foi derrotado, de virada, por 2 a 1. Será uma partida complicada para o Zeca, pois o Náutico irá em busca da reabilitação. O São José terá dois jogos seguidos fora de casa (após o Náutico, enfrenta o Operário/PR) e precisará pontuar, caso contrário a equipe começará o campeonato ocupando a parte inferior da tabela. O Thiago Gomes precisa ser mais ousado, para sonhar com o acesso à série B. Tem muito campeonato pela frente? Sim, mas cada rodada será uma batalha. A torcida do bairro espera mais do time. Vamos lá, ZECA!!



Jeferson Machado é professor de Geografia em escolas privadas de Porto Alegre


32 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page