top of page

Guerra muda nomes de ruas na capital

Em  1937, Getúlio Vargas fechou os Legislativos do país, reabertos somente em 1945. Assim, nossa Câmara não existiu por longos oito anos.

Assim, nomes de ruas e outras questões eram feitas por Decreto dos prefeitos.

Em 20 de novembro de 1962, o Prefeito José Loureiro da Silva pelo DECRETO - LEI N° 139 alterou os nomes de ruas no IV Distrito. Passaram a existir ruas Buarque de Macedo, Olinda, Arabutan, Cairú, Monroe, México, Itagiba e Paraguai em substituição, respectivamente, das denominações das ruas Veneza, Napolitana, Italiana e Germânia, Rua Hamburgo, Stock e Banco Alemão e Travessa Genova.

Ou seja, todas as denominações teuto-italianas foram tiradas para dar lugar a outras denominações.

O caso mais conhecido é da Rua Italiana ou Itália como alguns lembram a retirada da placa pelos moradores no dia dos bombardeios aos navios brasileiros, afundados na costa brasileira, dando o nome de Arabutan, nome de um deles.

Assim, quando se fala em mudanças de nomes de ruas, sempre acho que é algo bem complexo, pois mexe nos registros cartoriais, nos registros de empresas na Junta Comercial e na Receita Federal. Mas mudanças e trocas já ocorreram várias vezes.



Adeli Sell é professor, escritor, bacharel em Direito e vereador do em Porto Alegre.

18 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page