top of page

Um olho na ESG e outro nas crises das criptos e das plataformas


Mandam o olhar se focar na governança ambiental, social e corporativa (ESG); porém, como olhar, se um olho tem que ficar cuidando das crises atuais? Há uma derrocada total nas criptos que fazem evaporar partes importantes do capital real de empresas (corporações privadas) para este mercado volátil, líquido “sem liquidez” – desculpem o trocadilho. É a crise das criptos. E os empregos que vão escorrendo mundo afora nas corporações de TIC – empresas de Tecnologia da Informação e da Comunicação. É a crise das plataformas. É a crise das plataformas.

A tecnologia deveria estar nos ajudando, a nosso serviço, com os avanços da aplicação da Inteligência Artificial (IA), mas além da crise, das demissões, da perda de valor das corporações na Bolsa de Valores, está prenhe de obstáculos éticos, prejudicando pessoas, em especial pobres e negros no mercado de trabalho. A Ambev, em alto volume de propaganda na TV aberta , deve ter se dado conta disto e vai direto ao empreendedor negro ajuda-lo. E o que fazem outras corporações que falam em ESG? Estamos vendo poucas coisas. Mais uma preocupação, além das crises.

O momento é de reflexão para o mundo corporativo, em especial às altas direções, mas também para os corpos diretivos e intermediários que tem condições de agir no sentido da sustentabilidade ambiental e social, pois sem elas, não há como sustentar uma corporação sadia, ética, comprometida com o futuro da Humanidade.

Há cinco anos o Papa Francisco, antes da onda de propagação da ESG, já deu a linha condutora: cuidar de si, para cuidar de sua casa… Ou seja, cuide de si, dos que estão em seu entorno, para cuidar do Planeta Terra.

O mundo não se mantém íntegro com normas apenas, mas essencialmente com comportamentos. Por isso, o mundo jurídico deve se deixar tomar das relações da sociedade que levantando o pilar do Estado de Direito, levanta-se pilares de cuidados com o ambiente, com os trabalhadores, prestadores de serviços, como com cidades inteligentes e sustentáveis.


DRA. ROSÂNGELA BENETTI ALMEIDA é advogada especialista em Direito Digital – rosangela@rbaadvs.com.br




Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page